O Cruzeiro vive seu pior instante na fase e em muitos meses, presenciado que conseguiu alguns bons resultados na reta final de 2023, o que tem deixado seus torcedores preocupados. Jogadores que nunca rendem, futebol mendicante apresentado, fragilidade contra adversários, sejam eles fracos ou fortes, permuta de treinador e movimentos de reclamação da mecha.

Numa fase em que já perdeu o Campeonato Mineiro de feitio traumática para o maior opoente, foi abortado da Despensa do Brasil velo humilde Sousa, sofreu uma itinerário acachapante — novamente para o Atlético –, em seguida singular generoso fenda no Brasileirão e periga nunca se qualificar para os mata-matas da Despensa Austral-Americana, podemos expor que o Cruzeiro vive singular instante de pesadelo. Mesmo com a suspicácia em lista ao elenco montado para 2024, poucos poderiam pressupor que o fenda seria tanto malicioso.

E diferentemente de alguns momentos de 2023, quando o time celeste jogava apoiado em algumas partidas, porém perdia muitos gols e acabava tropeçando, atualmente, o Cruzeiro nunca consegue realizar bons jogos e até mesmo os confrontos teoricamente mais fáceis acabam virando singular drama.

Esta tempo malicioso começou há quase singular mês, no adiante jogo da final do Campeonato Mineiro. Branco, a essa profundidade o Cruzeiro já havia sido abortado na Despensa do Brasil, porém apesar do vexação, a circunstância parecia singular acidente de decorrer, potencializado pelas condições de jogo naquela oportunidade.

Antes da final, o Cruzeiro nunca encantava, porém conseguia roubar seus jogos e com reforços ainda sendo integrados ao quadrilha, a expectativa quadra de melhora. Todavia apressadamente tudo mudou. O time sideral fez singular péssimo adiante período e contou com singular engano caricato da resguardo atleticana para regressar para o jogo na segunda lanço e obter o empate, no extinguir das luzes. Posteriormente disso, singular empate sem chalaça na altitude e a estrago do epígrafe estadual, que resultou na exoneração de Nicolás Larcamón.

Fernando Seabra foi combinado e em sua alfa, moderno vexação, o empate por 3 a 3 com o humilde Alianza FC, da Colômbia, em seguida o Cruzeiro haver crédulo 3 a 0 no adiante período. A lacuna feia do goleiro Rafael Cabral no segundo gol colombiano foi o torcida que resultou em sua abalada do assembleia.

O respiro aconteceu nos dias seguintes. O Cruzeiro venceu o Botafogo, em morada, no extinguir das luzes, em seguida boa reconquista e empatou com o Forte, além de, com moderno gol no final. Todavia as coisas se dificultaram com o vexativo 3 a 0 sofrido para o Atlético-MG e com o empate dessa terça contra o Unión La Calera, no Chile, que deixou a Raposa em circunstância complicada na Despensa Austral-Americana.

Números refletem instante malicioso do Cruzeiro

Ainda que muitas vezes nunca digam tudo, os números do Cruzeiro nas oito partidas do derradeiro mês mostram que o time tem problemas em todos os setores do prado. No desfeita, a privação de pontaria é singular deles. Foram década gols em oito jogos, uma quantidade garota, especialmente se analisada a orientação de alguns dos adversários enfrentados.

No tempo, o Cruzeiro finalizou somente 24 vezes na direção do gol, uma média de três por saída, o que deixa uma banda de engano garota para singular time que precisa tão oscilar as redes para caucionar os resultados, já que a resguardo é singular problema majestoso.

Contra o Unión La Calera, o Cruzeiro teve seu pior index de acerto de finalizações no ano. Foram 15 chutes com somente singular indo em direção ao gol, 6,67% de exacção. A pior fronteira havia acontece precisamente no fenda da crise, quando, no adiante jogo da determinação do estadual, o time sideral acertou uma globo — o gol de Dinenno — em oito tentativas, média de acerto de 12,5%.

A média da Raposa na fase é de 33,18% de acerto no gol em finalizações tentadas. Por outro flanco, os adversários do Cruzeiro acertam 37,46% dos seus chutes na direção da escopo cruzeirenses.

Defensivamente, a circunstância é ainda mais insignificante. São 14 gols sofridos em oito jogos, com a resguardo passando ileso apenas em duas oportunidades, contra os fracos Universidad Católica (COL) e Unión La Calera (CHI), que ainda tiveram chances de assinalar colocando bolas na trave.

A sensação que dá é que todo desfeita opoente é arriscado, especialmente porque o meato de prado do Cruzeiro tem sido pouco combatido e efetivo, passando os jogos muitas vezes olhando o opoente atuar, o que sobrecarrega a resguardo, que parece sem crédito em diversas oportunidades.

Sem período para praticar por origem da maratona de jogos e viagens, o treinador Fernando Seabra tem singular espaçoso problema para deliberar e tudo indica que nunca será zero fácil.

Cruzeiro Feminino vive generoso instante

Se o time macho do Cruzeiro nunca vai zero apoiado, as Cabulosas, time feminino da Raposa, vive instante asseverativo na fase. As cruzeirenses, que vêm de goleada por 4 a 0 a respeito de o espaçoso opoente, Atlético-MG, e ocupa a sexta adaptação, anexo do quadrilha de classificação para a tempo final, com 11 pontos em seis jogos.

As Cabulosas estão somente dois pontos detrás do vice-líder Palmeiras (13) e cinco do líder Corinthians (16). Por outro flanco, o Fidedigno Brasília, que ocupa o nono local, adiante além de da zona de classificação, tem nove pontos.

A agressor Byanca Brasil é a vice-artilheira da competição, com cinco gols e três assistências em seis jogos. Unicamente Amanda Gutierres, do Palmeiras, com seis, marcou mais.

Camisa 10 do Cruzeiro, Byanca Brasil é singular dos destaques do Brasileirão Feminino e já começa a ser pedida na Seleção Brasileira – Foto: @fstopdan/Dan Costa/Difusão



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *