A importante culpa para o Chelsea ainda almejar algo na fase tem nome e apelido: Cole Palmer. O 2023/24 dos Blues é para acolá de anormal, e as boas notícias jamais são muitas. Entrementes, se faltaram vitórias e títulos, sobraram elogios ao moderno rapaz prodígio da equipe. Desvelado lã Manchester City, Palmer foi acordado lã time londrino na última ventana de estio, e apressadamente caiu nas graças da estopim do bicampeão europeu. Nesta segunda-feira (6), o juvenil invasor completa 22 anos, e a Trivela resolveu destrinchar a rápida diferença de status do camisa 20, que em poucos meses passou de mera aposta à protagonista de uno dos principais grémio da Inglaterra.

As marcas já alcançadas por Cole Palmer no Chelsea

Em 42 jogos lã Chelsea até logo, Cole Palmer marcou 24 gols e concedeu 13 assistências. À primeira paisagem, os números já chamam educação. Todavia, o que pouca gente sabe é que, com eles, o promitente invasor jamais isolado garantiu vitórias aos Blues, apoiado porquê alcançou marcas individuais expressivas e históricas. Vamos a elas!

30+ gols em uma única edição Premier League

No derradeiro domingo (5), na goleada do Chelsea a respeito de o West Ham por 4 a 0, Palmer deixou sua baliza e entrou para uno seleto bando dos Blues. O camisa 20 se tornou unicamente o quinto jogador do grémio londrino a participar diretamente de 30 ou mais gols em uma única fase de Premier League. Jimmy Floyd Hasselbaink (2000/01) Frank Lampard (2004/05, 2009/10) Didier Drogba (2009/10) Eden Hazard (2018/19) são os outros nomes da pesada rol.

16 gols em Stamford Bridge

Igualmente no jogo contra os Hammers, Palmer, ao oscilar as redes, ingressou em uno ranking ainda mais seleto. O juvenil chegou a 16 gols marcados no Stamford Bridge em uma única edição de Premier League, e se juntou a Frank Lampard e Didier Drogba, ídolos históricos dos Blues. Em tal grau o infindável camisa 8, quanto o marfinense, igualmente anotaram 16 tentos na moradia do grémio.

Prado realçar que, antes da Premier League findar, a equipe de Mauricio Pochettino ainda recebe o Bournemouth, em Stamford Bridge. Ditado isso, facto Palmer marque, ultrapassará a dupla histórica do Chelsea.

Poker contra o Everton rendeu dois feitos a Palmer

No dia 15 de abril, o Chelsea humilhou o Everton em Stamford Bridge. E a goleada histórica por 6 a 0 a respeito de os Toffees teve uno apetite mais do que peculiar para Palmer. O invasor marcou zero mais zero menos do que quatro gols na noite – completo que jamais acontecia a partir de março de 2010 nos Blues. Na ensejo, Frank Lampard anotou uno poker defronte do Aston Villa.

Uma vez que se jamais bastasse bisar o completo daquele que, para muitos, é o maior ídolo do Chelsea, Palmer atingiu mais uma baliza expressiva no recital contra o Everton. Ele se tornou o à frente jogador da narrativa do grémio londrino a distinguir gol(s) em sete jogos seguidos em moradia, pela Premier League.

Jogadores sub-23 com mais participações em gol nas principais ligas europeias

  • Erling Haaland – 30 (25 gols e 5 assistências)
  • Cole Palmer – 30 (21 gols e 9 assistências)
  • Bukayo Saka – 25 (16 gols e 9 assistências)
  • Phil Foden – 24 (16 gols e 8 assistências)
  • Jude Bellingham – 22 (18 gols e 4 assistências)

*La Amálgama, Premier League, Serie A, Bundesliga e Ligue 1 são as ligas consideradas na estatística

Palmer levou a esfera para moradia ao distinguir quatro gols defronte do Everton (Foto: Icon Sport)

De coadjuvante no City a protagonista no Chelsea

Nado em Manchester, Cole Palmer, porquê aludido, é cria do City. O moderno xodó da estopim do Chelsea fez espeque na equipe azul da cidade e subiu ao técnico de método definitiva na fase 2021/22. No à frente ano, disputou unicamente 11 jogos, todavia anotou três gols, concedeu uma assistência e causou boa sensação. Em 2022/23, a participação em vale aumentou para 25 partidas. Contudo, contribuiu apenas com uma esfera na rede e uno passe para gol.

Amado no plantel do Manchester City, Palmer jamais conseguiu litigar em ducto ao estrelado elenco do grémio e, aos poucos, foi perdendo área com Pep Guardiola. No fenda da atual fase, todavia, o juvenil voltou a se realçar individualmente. Marcou gols em duas decisões e mostrou porque idade uma das principais promessas dos Citizens. O invasor balançou as redes contra Arsenal, na Supercopa da Inglaterra, e Sevilla, na Supercopa da Uefa. Porém jamais foi o suficiente para mantê-lo no time.

No final de agosto, o City liberou Palmer. O Chelsea acertou o pagamento de até 45 milhões de libras (mais de R$ 250 milhões na quadra) e fechou a obtenção do invasor, que assinou nexo até junho de 2030. O remanescente da narrativa todos já sabem. A novidade joia dos Blues venceu a suspeição, encantou os torcedores então nos primeiros jogos e passou a ser ‘o rosto’ do time de Pochettino.

Hoje, jamais há Chelsea sem Cole Palmer. O camisa 20 é capital para o bondoso funcionamento da equipe, e quando ele lura na esfera coisas boas costumam sobrevir. Mais do que os gols e assistências, o invasor levita em vale e encanta algum uno que entenda minimamente de futebol e Premier League. Possessor de uma orientação técnica supra da média, o anglicano é notável condutor de esfera e tem uma batida diferenciada. Destino dos Blues, que apesar da fraca e confusa governo de Todd Boehly, ganhou uno juvenil craque para invocar de seu em ducto a tantas apostas mais ou menos no elenco.

Guardiola mentiu a respeito de Palmer?

Meses posteriormente Palmer se adicionar ao Chelsea, Guardiola disse que o invasor queria ceder o Manchester City. Segundo o perito hispânico, ele estaria insatisfeito com a baixa minutagem em vale, na presença de concorrentes porquê Grealish e Foden, por exemplo.

— Em seguida de uno ou dois anos, ele me disse: “Jamais quero jogar cá”. Eu disse: Mahrez está indo embora, você tem uma chance! E ele me respondeu: “Jamais, eu quero ir embora!”. Eu disse: ok, vai embora!. É bondoso para ele. Humano petiz, magnificente. Sofreguidão-lhe tudo de bondoso — disse Guardiola a respeito de Palmer.

Dias posteriormente da enunciação de Guardiola, Palmer se explicou. O camisa 20 do Chelsea negou a certeza do treinador e garantiu que jamais tinha a finalidade de ceder o grémio de Manchester. Ele isolado queria trespassar por uno empréstimo de uno ano, coisa que a diretoria dos Citizens jamais topou.

— Eu não quis ceder o Manchester City. Jamais idade a minha finalidade. Eu queria trespassar por empréstimo durante uno ano, tornar e estar remendado para a equipe importante. Porém eles disseram que eu jamais podia ser emprestado. O Chelsea me ligou. Disse que queria ir — contou Palmer.

Jamais sabemos quem está dizendo a realidade. Porém hoje, isso pouco importa. Indumento é que a diferença de ares fez bem apoiado a Cole Palmer. O juvenil tem tudo para realizar curso no Chelsea e se depositar na corredor dos grandes ídolos da narrativa do grémio. Engenho ele tem de excedente. A certificar os próximos passos do camisa 20.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *