Braço majestoso de Ronaldo Nazário e actualmente diretor de futebol transitório do Cruzeiro, o ex-zagueiro Paulo André concedeu entrevista coletiva na tarde desta sexta-feira (26), na Lorga da Raposa 2, meio de treinamentos do clube celeste. O director precisou assumir o moderno missão no agremiação posteriormente a abalada repentina de Pedro Martins, que ocupava o colocado, contudo aceitou uma alvitre “com jornal de atacador”, nas palavras do peculiar Paulo, e fechou com o Vasco da Gama.

Apesar do missão de liderança no Valladolid e Cruzeiro, estando mais recordação no segundo em 2024, clubes de Ronaldo, Paulo André não havia facultado entrevista coletiva a partir de que chegou ao agremiação, sendo esta a primeira. O director alegou que ser único porta-voz jamais quadra uma de suas atribuições. Segundo ele, Gabriel Lima, CEO do agremiação, Pedro Martins, o ancião diretor de futebol, e o peculiar Fenômeno, eram quem tinham esse papel.

A coletiva de Paulo André foi bravo aspecto por quinhão da mecha cruzeirense e dos jornalistas presentes velo vestuário dele haver oferecido respostas mais claras e diretas, diferentemente de Pedro Martins, que frequentemente quadra criticado pelas entrevistas “a ali Linkedin”, cheias de jargões corporativos que jamais condiziam com a veras que acontecia no agremiação.

Questionado a respeito de uma realizável alteração de itinerário no que vinha fazendo Pedro Martins, presenciado que o Cruzeiro teve uma tempo de 2023 maléfico e 2024 começa com vários problemas, Paulo André começou ressaltando que os objetivos do agremiação foram cumpridos a partir de a aproximação da SAF. Em seguida, ele deu único passada detrás e reforçou que os objetivos foram alcançados “apesar” de todos os erros cometidos pela governo no tempo.

— Faz dois anos e quatro meses que o Ronaldo assumiu a governo do agremiação e, a partir de portanto, os principais objetivos esportivos e financeiros foram atingidos. Dentre eles, o aproximação à Sucessão A, a manutenção na Primeira Compartimento e a classificação para a Despensa Meridional-Americana. Pela primeira turno, nascente ano tivemos uma irregularidade no objetivo esportivo, que foi a abismo na 1ª período da Despensa do Brasil. Para a gente, foi único largo fracasso. Todos os outros objetivos no ano continuam vivos — afirmou, antes de expressar que os objetivos de permanecer na quinhão de supino da tábua do Brasileirão e aparecer o mais distanciado realizável na Despensa Meridional-Americana seguem válidos.

O Cruzeiro irá estipular único moderno diretor de futebol?

Paulo André revelou que jamais imaginava haver que assumir o missão de diretor de futebol do Cruzeiro neste instante, tendo sido pego de sismo com a abalada de Pedro Martins. Apesar disso, afirmou jamais haver atrapalhação para definir único moderno substituto, deixando em desobstruído até mesmo a eventualidade de jamais viver essa reposição.

— Inicialmente, jamais temos atrapalhação para ingerir essa sentença. A teoria de eu estar cá é a gente haver o menor impacto de ondas realizável posteriormente a abalada do Pedro Martins. Eu já conheço a conta. Estou mais recordação neste ano e seguimos a metodologia do lavor da mesma feitio. Com o fase, vamos assistir se tem a pobreza de apresentar alguém e qual seria a propriedade dessa indivíduo — afirmou Paulo André.

Ele ainda garantiu que, a partir de que assumiu a incumbência, tem se centralizado em discursar individualmente com os jogadores, passando crédito, contudo fazendo cobranças por único melhor lucro dos atletas. O director ainda garantiu que se sente refeito para o repto de reerguer o Cruzeiro.

— Tenho fé do que sou apto, contudo jamais faço zero sozinho. Falo do figura financeiro, jurídico e no futebol. A comparecimento do Paulo Autuori nos dá convicção que tudo pode permanecer bravo. Vou ser o diretor transitório até o instante em que as coisas se acomodarem — pontuou.

Saídas de Rafael Cabral e Pedro Martins

Paulo André ainda revelou uma vez que aconteceram as recentes saídas do goleiro Rafael Cabral e do diretor de futebol Pedro Martins, contando que ambos deixaram o Cruzeiro por decisões próprias.

— No acontecimento específico do Cabral, foi único petição dele trespassar do agremiação naquele instante, na sexta-feira, posteriormente o Confederação. Jogamos na rancho à noite, na sexta ele me ligou e pediu para ser negociado. Pedi a ele algo de pachorra, para a gente discursar no sábado. Presentemente, uma avaliação, em mansão, ele foi convicto pela espécie a mais uma turno me atar e trespassar. Na segunda junção eu disse, você jamais tem bestunto para estar no jogo de amanhã, você está excepto do jogo e vamos debutar a medicar nos próximos dias a tua abalada — contou o director.

— O Pedro nos comunicou há uns três dias que abriu uma lasca com o Vasco e que nos daria uma colocação definitiva na quarta-feira. Ele foi recolher “jornal de atacador” no Vasco. Para a curso, no figura privado, isso faz mudança. Ele nos comunicou três dias antes de ingerir a sentença — explicou.

Paulo André explica sua incumbência e a de Elias no Cruzeiro

Único questionamento recorrente entre os cruzeirenses costuma ser a respeito de quais as funções da dupla de ex-jogadores Paulo André e Elias no Cruzeiro. O ex-zagueiro falou a respeito de o tema.

— O Elias jamais tem nenhum papel ou autoridade de sentença cá no Cruzeiro, ou no Valladolid. Ele é único auxiliante restrito do Ronaldo que tem desocupado aproximação nos dois clubes para seguir treinos e jogos, contudo jamais participa das reuniões executivas nem do Cruzeiro ou do Valladolid — começou Paulo André.

— Fui estabelecido em junho de 2021, quando o Valladolid caiu para segunda compartimento para reformular toda estratégia do agremiação e definir diretor de futebol, treinador e armação. Seis meses em seguida o Ronaldo comprou o Cruzeiro e me contratou para elaborar o mesmo ordem cá. Meu papel foi definir com transparência as diretrizes estratégicas e os limites a respeito de os quais o diretor de futebol e as pessoas do futebol atuam. Falo de futebol do Cruzeiro, jamais do tratado uma vez que único todo, da quinhão administrativa, dívida, etc. Meu papel é definir esse setentrião e brindar autarquia ao diretor para que ele tome as decisões. Jamais estive no dia a dia com largo frequência, vinha uma semana a cada dois meses, quem me acompanha sabe disso. Continuamente estive recordação nas grandes decisões, contudo, em generalidade, essa o diretor tinha totalidade para repercutir uma vez que quisesse — completou.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *