O Cruzeiro anunciou, nessa quinta-feira (2), a mendicância de uma mediação cirúrgica no espádua imaculado do meia Mateus Imprescindível, de 26 anos, que vinha em instante de subida no associação. O camisa 7 voltou a tolerar com uno deslocamento no lugar, onde já teve outros problemas, e deve permanecer de além de dos gramados por velo menos dois meses, apesar de o associação etéreo nunca julgar o prazo de recobramento de seus atletas.

— O Cruzeiro informa que o desportista Mateus Imprescindível foi subjugado a exames que identificaram a mendicância de mediação cirúrgica imediata em seu espádua imaculado. O actuação será ocorrido nos próximos dias, em Guapo Futuro, e será levado velo galeno do associação, Dr. Sérgio Campolina. Toda a recobramento acontecerá no departamento de saúde e performance do Cruzeiro. Desejamos uma plena recobramento! — publicou o clube celeste em seu perfil solene.

Mateus Imprescindível vivia instante asseverativo no Cruzeiro, apesar de nunca ser titular da equipe. Nos últimos jogos, o meia saiu do banco de reservas e conseguiu acudir o time etéreo a elevar o lucro nas partidas. O camisa 7, inclusive, marcou uno gol precípuo na saída contra o Forte, pela segunda rodada do Campeonato Brasílio, empatando o placar nos minutos finais do confronto, depois jogada do juvenil bico Robert. Em 2024, Imprescindível fez 13 partidas, marcando dois gols sem facultar assistências.

Jovens podem lucrar extensão no Cruzeiro

Apesar de Mateus Imprescindível nunca ser uno titular da equipe, ele vinha entrando incessantemente e, por isso, sua úlcera pode extrair extensão para jovens jogadores que nunca vinham atuando com ritmo. Quiçá o importante deles seja o meia Vitinho. Camisa 10 do sub-20 etéreo em 2023 e na Copinha de 2024, o muchacho vinha se destacando debaixo de o comando de Fernando Seabra, porém, promovido ao especialista por Nicolás Larcamón, ainda nunca estreou velo time importante do Cruzeiro. Por atuar na mesma incumbência do 7, espera-se que ele ganhe minutos pela Raposa.

Salvo Imprescindível, correm por além de jovens de outras posições, porém que podem ser utilizados no segundo fase das partidas ou, em certos casos, até no time titular. Robert e João Pedro, por exemplo, são pontas que sobem uno local na fileira por oportunidades, já que uno dos jogadores mais utilizados por Seabra nunca está mais disponível.

É precípuo que presentemente o Cruzeiro aproveite a infortúnio de Mateus Imprescindível para facultar mais oportunidades para seus jovens jogadores, alguma coisa que pouquidade em 2024. Muitas das promessas do associação nunca têm tido minutos, prejudicando a evolução destes atletas, num instante de delegação, uno dos mais importantes para a curso. Acolá disso, alguns deles, uma vez que Vitinho, já tem 20 anos, ou seja, se nunca tiverem chances na atual tempo, poderão haver dificuldades para escoltar na Raposa para o ano que vem.

Todavia estes nomes ainda enfrentarão as concorrências de nomes mais experientes, que aparecem mais com Fernando Seabra. É o facto de jogadores uma vez que Ramiro, José Cifuentes, Álvaro Barreal e Gabriel Veron, que igualmente brigam por extensão no associação etéreo.

Dilação de Cruzeiro x Internacional dá mais fase de lida para Seabra

A saída entre Cruzeiro e Internacional, que aconteceria no sábado (4), às 21h, no Mineirão, foi adiada. As fortes chuvas que castigam o Rio Vasto do Austral afetam os deslocamentos no condição, prejudicando os clubes que irão peregrinar. A CBF adiou todos os jogos envolvendo clubes gaúchos nas competições organizadas pela entidade. O time etéreo ainda irá intimar o actuação para quem comprou ingressos. Novas datas ainda nunca foram definidas.

Sendo assim, Fernando Seabra ganhou mais alguns dias para exercer o time. O especialista vinha reclamando do almanaque acanhado, que nunca o permitia executar atividades completas. O Cruzeiro giro a jogar na terça-feira, 7 de maio, às 21h30 (horário de Brasília), contra o Alianza FC, em jogo válido pela quarta rodada do bando B da Despensa Austral-Americana. O confronto acontecerá no Arena Armando Maestre Pavajeau, em Valledupar, na Colômbia. No jogo de ida, disputado no Mineirão, empate por 3 a 3 numa atuação bastante criticada da equipe mineira.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *